300: Uma Boa Mensagem?

429956768_e786d35ee1_o1.jpg 

Não há como negar o sucesso do filme 300, que conta a famosa história da Batalha das termópilas, onde o general Leônidas juntamente com 300 guerreiros espartanos lutam contra o poderosos exército do rei Xerxes( O mesmo Aussero, do livro de Ester, na Bíblia). No fim, todos morrem,porém, acabam por quebrar a soberba do império persa. 

Não  há como negar que 300 é um filme visualmente muito bem feito, e com cenas de emoção. Porém, num sentido histórico, ele acaba deixando a desejar. Isso ocorre principalmente por que o filme não foi tirado essencialmente da História, mas sim da mini-série de quadrinhos 300 de Esparta, de Frank Miller. Os vilões parecem ser mitólógicos e assustadores, o rei Xerxes( interpretado por Rodrigo Santoro) é por demais afeminado, entre outros problemas.

Mas algo que me chamou a atenção no filme, que é pouco perceptível, é uma mensagem   um tanto quanto anti-religiosa. Os sacerdotes são vistos como vilões corrompidos, que utilizam o sobrenatural para disfarçar sua ganância e lucro. O héroi Leônidas busca, segundo ele mesmo “agir pela razão”( uma noção bastante iluminista para a época), ao contrário dos sarcedotes. Ao encarar uma mulher em um estado de transe, que receberia informações do deuses, Leônidas afirma que aquilo não passava de uma “adolescente bêbada” ( certamente que aquilo boa coisa não era, mas o foco aqui é a mensagem excessivamente cética em alguns trechos do filme). No final do filme, o único sobrevivente da batalha e narrador do filme afirma ” Contra o misticismo!”.

 Há bons trechos no filme, como o amor de Leônidas por sua esposa e filho, a bravura dos soldados, o altruísmo na batalha, o soldado espartano mostrado com sentimentos. mas certamente isso não anula a carnificina excessiva e outros problemas no filme. principalmente a religiosa. Que é praticamente imperceptível para muitos. Não estou afirmando aqui que a prática religiosa era correta na Grécia e que os deuses gregos eram reais, mas sim a mensagem mostrada no filme. è fácil fzer paralelos com a fé Cristã.

É  necessário que cuidemos  e vejamos o quanto de Hollywood está entrando em nossos lares, para que assim, possamos exainar tudo e reter o que é bom.

 Soli Deo Gloria

Esse post foi publicado em cinema, Sem-categoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para 300: Uma Boa Mensagem?

  1. fagner disse:

    o filme e bom pra caranba sou fan mano

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s